Bancada Sulista

Bancada Sulista

NOTÍCIAS

Álvaro Dias, pré-candidato à Presidência, destaca a necessidade de priorizar o Nordeste no plano Nação

Tamanho da letra A+ A-
Álvaro Dias em dia de fala no plenário do Senado(Foto: Agência Senado)

(Brasília-DF, 05/07/2017) O senador líder Álvaro Dias (Podemos-PR) concedeu gentilmente à Política Real uma entrevista exclusiva, onde tratamos temas como sua provável candidatura à Presidência da República pelo Podemos, e,  falando hipoteticamente sobre uma corrida presidencial, o senador comentou a necessidade de priorizar e entender as necessidades do povo nordestino.

“Os estados nordestinos são da maior importância para o país e notadamente, num processo eleitoral, há de se apresentar propostas que tenham relação com as aspirações do povo nordestino. O partido tem uma responsabilidade de se organizar em todos os estados do Nordeste, mas não apenas se organizar visando projeto eleitoral, tem que ter por objetivo o projeto de nação, que inclui o Nordeste como prioridade", declarou o senador.

Para Álvaro, é preciso propor soluções para os problemas que afligem o Nordeste, mas não apenas propor, e que estas propostas devem nascer de discussões com o povo nordestino.

"Nós queremos que aqueles que vivem na região e conhecem o drama que experimentam no dia-a-dia possam contribuir na formulação de propostas que venham a solucionar os problemas. Este é o nosso objetivo e essa é uma característica do Podemos, buscando, portanto, uma participação popular importante no Nordeste", ressaltou.

JACKSON BARRETO

Questionado sobre a possível filiação do governador do Sergipe, Jackson Barreto (PMDB-SE), ao Podemos, Álvaro respondeu que existe a perspectiva, mas que tudo depende da decisão de Barreto.

“Depende dele, pois houve um entendimento com a presidente Renata Abreu, de São Paulo, que é deputada e presidente nacional do Podemos, e há uma perspectiva de filiação, mas eu não posso assegurar, porque fica à vontade dele”, explicou. “Filiação partidária é opção pessoal, eu jamais pressionaria quem quer que seja, especialmente um governador de Estado”.

CORRIDA PRESIDENCIAL

Álvaro falou sobre a pretensão do Podemos de contribuir para mudar o país. Para o senador, o movimento se apresenta com características diferentes dos partidos atuais - exercício da democracia direta, transparência absoluta, combate à corrupção e defesa de causas, como enumerou o senador.

“É obrigação do partido que faz a tentativa de mudança, de fugir da mesmice lamacenta dos partidos, oferecer um projeto alternativo de nação. Aliás, nós só conhecemos ultimamente projetos de Governo, e não projetos de nação”, foi crítico. “Não se trata de apresentar um projeto de Governo, trata-se de apresentar um projeto de nação, e obviamente, para apresentar um projeto de nação, tem que exercer protagonismo”.

CRESCIMENTO DO PODEMOS

O senador não citou nomes, mas garantiu que há interesse de novas filiações em muitos Estados brasileiros, e adiantou que o Podemos terá muitas filiações importantes, de lideranças expressivas, e que poderão disputar eleições majoritárias.

“Nós estamos apenas começando essa trajetória, mas certamente teremos filiações importantes até o mês de setembro”, concluiu.

(da redação com texto de Bruna Pedroso. Edição: Genésio Araújo Jr)

Vídeos

Luiz Carlos Hauly fala ao Bancada Sulista

05 de Julho, 2017 às 20:02

Mais vídeos