Bancada Sulista

Bancada Sulista

NOTÍCIAS

Paixão Côrtes terá homenagem do Senado Federal

Tamanho da letra A+ A-
A cerimônia ocorrerá na manhã do próximo dia 10, no plenário da Casa. Seu nome foi indicado ao título honorífico pelo senador Lasier Martins (PSD-RS)

João Carlos D’Ávila Paixão Côrtes – maior pesquisador e divulgador da cultura gaúcha – será um dos agraciados em 2018 com a Comenda de Incentivo à Cultura Luís da Câmara Cascudo, do Senado.

Falecido em 27 de agosto último, aos 91 anos, o folclorista foi escolhido pelo conselho da honraria para receber a premiação postumamente. A cerimônia ocorrerá na manhã do próximo dia 10, no plenário da Casa. Seu nome foi indicado ao título honorífico pelo senador Lasier Martins (PSD-RS).

“Nada mais oportuno e justo do que prestar essa homenagem àquele que foi o responsável por criar a imagem mais autêntica e mais conhecida do gaúcho no mundo”, comentou o parlamentar, que vai ciceronear a família de Paixão Côrtes na cerimônia de entrega da comenda.

O prêmio instituído em 2018 visa consagrar anualmente personalidades, instituições e grupos que tenham contribuído de maneira relevante para o registro e a valorização do folclore, da cultura e dos saberes tradicionais.

O historiador potiguar Câmara Cascudo (1898-1986), que empresta o nome à comenda, foi também antropólogo, advogado e jornalista. Sua larga obra como pesquisador das manifestações culturais do país é reverenciada globalmente e na qual se destaca O Dicionário do Folclore Brasileiro (1952).

Sobre o homenageado

Nascido em Santana do Livramento em 12 de julho de 1927, o jornalista, compositor e radialista Paixão Côrtes era agrônomo, mas ficou conhecido como principal referência de promoção e preservação dos costumes gaúchos. Em 1947, liderou os estudantes que fundaram o Departamento de Tradições Gaúchas do Grêmio Estudantil do Colégio Júlio de Castilhos, na capital, base do movimento tradicionalista.

Sua luta deu origem aos Centros de Tradições Gaúchas, hoje espalhados pelo mundo. Devido ao forte vínculo com a cultura gaúcha, ele serviu de modelo, em 1954, para a Estátua do Laçador, do escultor Antônio Caringi, instalada na zona Norte de Porto Alegre, próximo ao aeroporto Internacional Salgado Filho.

Artur Hugen, com AI/Gabinete/Fotos: Divulgação

Vídeos

Deputado Celso Maldaner no MMA

07 de Dezembro, 2018 às 09:59

Mais vídeos